Maranhão Independente

As notícias mais importantes escritas por jornalistas independentes do estado.
Paralimpíadas: badminton

Saiba mais sobre a modalidade badminton que é estreante nas paralimpíadas. Foto: Reprodução/CPB.

Entrando no clima das Olimpíadas, o MaInd está realizando uma série de matérias sobre os esportes que vão fazer parte dos jogos. Conheça mais sobre o badminton.

O badminton é jogado com peteca em uma quadra de tênis, cujo objetivo é marcar 21 pontos primeiro. Ou marcar dois pontos de diferença quando o placar chega em 20 a 20 (até o máximo de 30 pontos).

Quem pode praticar o badminton?

Essa modalidade é praticada por atletas com deficiência física e eles são divididos em 6 classes funcionais:

  • WH1 – cadeirante
  • WH2 – cadeirantes
  • SL3 – andante com duas pernas comprometidas ou com apenas uma das pernas comprometidas, desde que o comprometimento seja acima do joelho
  • SL4 – andante com comprometimento em uma das pernas abaixo do joelho
  • SU5 – andante com comprometimento em um dos membros superiores
  • SS6 – para pessoas com baixa estatura (nanismo).

Os atletas das 3 primeiras classes competem em apenas metade da quadra.

Como é uma modalidade estreante nas Paralimpíadas, ainda não existem medalhistas brasileiros, AINDA.

Próximo representante

Vitor Tavares é atleta do badminton na classe SS6
Vitor Tavares. Foto: Ale Cabral/CPB

O Brasil vai estar representado nos jogos de Tóquio pelo atleta Vitor Tavares (classe SS6) que é campeão no parapan-americano e medalhista de bronze no mundial da modalidade.

Quer ser um atleta paralímpico? Acesse o site da Confederação Paralímpica Brasileira clicando aqui.

Quer saber mais especificamente sobre o badminton paralímpico, envie um e-mail para parabadminton@badminton.org.br

Leia outras matérias da série clicando aqui.

Doaçãos via pix para o Maranhão Independente devem ser feitas para o e-mail giovanakury@gmail.com

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.