Maranhão Independente

As notícias mais importantes escritas por jornalistas independentes do estado.
Olimpíadas: vôlei

Nas últimas edições dos Jogos Olímpicos, o Brasil tem acumulado bom desempenho. (Foto: Reuters/Carlos Garcia Rawlins  

Entrando no clima das Olimpíadas, o MaInd está realizando uma série de matérias sobre os esportes que vão fazer parte dos jogos. Conheça mais sobre o vôlei!

O vôlei é um dos esportes mais populares do mundo: só para se ter uma ideia, a Federação Internacional de Vôlei (FIVB) é a organização com mais países filiados até o momento: 220.

Mas você as origens da modalidade? Tudo começou em 1895, na Associação Cristã de Moços de Holyoke, em Massachusetts, nos Estados Unidos. O pastor Lawrence Rider sugeriu ao professor Willian G Morgan  criação de um esporte que fosse movimentado, mas não tanto quanto o basquete, cuja popularidade começava a crescer.

Pensando na sugestão, o professor decidiu colocar uma rede no centro da quadra para impedir contato físico entre os jogadores; até chegar no nome que conhecemos hoje, o esporte foi chamado de volley (torrente em inglês).

O esporte rapidamente se difundiu mundo afora, porém, somente nas edição de 1968 em Tóquio ele estreou nas Olimpíadas, e de um jeito diferente: homens e mulheres competiram simultaneamente.

Regras do vôlei

O jogo de vôlei é disputado em uma melhor de cinco sets, sendo que ganha o time que chegar a 3 sets primeiro.

São seis jogadores por equipe e o objetivo é jogar a bola na quadra adversária e ganha o set quem chegar a 25 pontos primeiro.

Se estiver empatado em 25 a 25, ganha quem fizer dois pontos primeiro; se as equipes estiverem empatadas em 2 a 2 sets, acontece o tie break, um set especial onde ganha quem chegar a 15 pontos primeiro. Se estiverem empatados em 15 a 15, ganha quem fizer os primeiros dois pontos.

Especificidades do vôlei. (Arte: rededoesporte.gov.br)

O Brasil no vôlei

Atletas da seleção masculina de vôlei estão em uma quadra, se abraçando, comemorando um ponto; eles vestem camisa amarela e bermuda azul.
Seleção masculina de vôlei. (Foto: Yuri Cortez / AFP)

O vôlei brasileiro tem uma trajetória vitoriosa em campeonatos mundiais de vôlei, tanto no feminino quanto no masculino. E nas Olimpíadas não poderia ser diferente: nossas meninas foram ouro em duas edições seguidas: (Pequim-2008 e Londres-2012); já a equipe masculina foi ouro em Atenas-2004 e no Rio-2016 e prata em Pequim-2008 e Londres-2012.

  • Na seleção feminina de vôlei foram escaladas as atletas Macris e Roberta como levantadoras;
  • Tandara como oposta e Rosamaria como oposta/ponteira;
  • Gabi, Natália, Fernanda Garay e Ana Cristina como ponteiras/
  • Carol, Carol Gattaz e Bia como centrais;
  • e Camila Brait como líbero.

Na seleção masculina foram convocados:

  • Como levantadores, Bruninho e Cachopa;
  • Wallace e Allan como opostos;
  • Como ponteiros, Leal, Lucarelli, Douglas Souza e Maurício Borges;
  • Centrais, Maurício, Lucão e Isac;
  • e Thales como líbero.
Doação via pix para o MaInd pelo e-mail giovanakury@gmail.com
Doação via pix para o MaInd pelo e-mail giovanakury@gmail.com

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.