Maranhão Independente

As notícias mais importantes escritas por jornalistas independentes do estado.
Projeto propõe a realização de palestras dos bombeiros em escolas municipais

Bombeiros em palestras pelo Brasil. Foto: André Reis/Prefeitura de Sorocaba.

O vereador Ribeiro Neto (PMN) criou o Projeto de Lei nº 64/21 que propõe a criação do Programa Crianças Seguras.

Se aprovado, o Programa vai realizar a disseminação de informações sobre a importância do trabalho do Corpo de Bombeiros, divulgar informações sobre prevenção de acidentes e educação e buscar conscientizar os alunos sobre medidas de segurança nas escolas da rede municipal da capital maranhense.

A proposta prevê que sejam ministradas palestras sobre prevenção de acidentes, primeiros socorros e até vai realizar orientação para casos de acidentes nas escolas de educação infantil e fundamental.

As palestras devem ser viabilizadas por meio de convênio entre a Secretaria Municipal de Educação – Semed e a Secretaria de Segurança Pública do Estado – SSP/MA, em conjunto com o Corpo de Bombeiros.

O que diz o Corpo de Bombeiros

Conversamos com o coronel Célio Roberto de Araújo sobre a importância desse PL. Célio Roberto é Comandante Geral do Corpo de Bombeiros Militar do Maranhão.

Foto: Divulgação/CBMMA

Veja o depoimento do coronel a respeito:

Prevenção é uma das atribuições do Corpo de Bombeiros que nós reputamos muito importante porque prevenir é evitar acidentes e fico feliz em saber que tem um projeto tramitando na Câmara de Vereadores da nossa capital maranhense tratando da cultura preventiva, sobretudo com enfoque nas crianças. Ficamos extremamente satisfeitos em saber desse projeto, ele é muito importante para o Corpo de Bombeiros, porque eu tenho certeza que, uma vez aprovado e sendo colocado em prática na rede escolar de São Luís, vai servir de modelo para outros municípios maranhenses e isso vai fazer com que os acidentes sejam reduzidos. Parabéns ao vereador Ribeiro Neto pela iniciativa.

O coronel Célio Roberto ainda destacou a importância desses conhecimentos serem repassados para crianças:

As crianças estão na fase do aprendizado, então tudo o que se investir em conhecimento para criança com certeza vai se traduzir em um ambiente em que as pessoas vivem mais seguras, tanto hoje, quanto para o futuro. As crianças têm uma facilidade de absorver conhecimento. Vamos ter as crianças como agentes de prevenção que vão estar alertando os pais, os adultos, os ambientes em que as crianças estão inseridas.

Projetos semelhantes pelo Brasil

Existem ações parecidas como o Programa Criança Segura pelo Brasil. Há ações com a presença constante de bombeiros em formações nas escolas na Paraíba, Paraná e no município de Cruzeiro em São Paulo.

O Corpo de Bombeiros do Maranhão também já realiza projetos educativos. O Programa Bombeiro Mirim é realizado desde 1995 atendendo adolescentes de 12 a 16 anos e o Programa Bombeiro Mirim Músico que proporciona aulas para crianças e adolescentes de 8 a 16 anos.

Os programas têm atuação em regiões socialmente vulneráveis, promovendo orientação vocacional, desenvolvimento da personalidade, valorização da cidadania e autoestima.

Programa Bombeiro mirim do Corpo de Bombeiros Militares do Maranhão. Imagem de diversas crianças sentadas ao redor da piscina antes de iniciarem aula sobre salvamento.
Adolescentes atendidos pelo Programa Bombeiro Mirim. Foto: Divulgação/CBMMA.

Saiba mais sobre os projetos sociais do CBMMA clicando aqui.

Quem é o autor da proposta?

Imagem do vereador Ribeiro Neto na Câmara de São Luís
Vereador Ribeiro Neto. Foto: Paulo Caruá/Câmara de São Luís.

Aires do Espírito Santo Ribeiro Neto tem 29 anos de idade, é formado em Direito e Administração, pós-graduando em Gestão de Recursos Públicos, é empresário no ramo da construção civil

Ribeiro Neto está em seu primeiro mandato como vereador. Ele foi eleito com 3.310 votos pelo PMN, partido do qual é vice-presidente estadual.

Leia outras matérias na editoria Educação.

Doação via pix para o MaInd pelo e-mail giovanakury@gmail.com

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.